Os plasmas tecnológicos oferecem um potencial único para o desenvolvimento de tecnologias inovadoras. Os plasmas são indispensáveis ​​na produção de dispositivos microeletrônicos: nenhum computador moderno existiria sem o uso da tecnologia de plasmas. Outros exemplos são tratamento de resíduos tóxicos, revestimentos protetores, funcionalização de polímeros, esterilização biológica e muitos outros. O desempenho de qualquer aplicação assistida a plasma, como deposição, corrosão, emissão de luz, esterilização, etc., depende das características físicas e químicas do plasma. Portanto, devemos conhecer o ambiente de plasma para controlar e otimizar um determinado processo. Este minicurso visa apresentar sobre a teoria e prática da técnica de sonda eletrostática de Langmuir. Esta técnica permite determinar parâmetros de plasma como temperatura e densidade de elétrons, além de sua função distribuição de energia, parâmetros físicos de suma importância para otimização e melhor compreensão de um determinado processo a plasma.

O professor responsável por este minicurso é o Prof. Dr. Rodrigo Sávio Pessoa. Confira o resumo do currículo Lattes do professor:

Possui graduação em Física pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2003), mestrado (2005) e doutorado (2009) em Ciências na área de Física de Plasmas pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica. Atualmente é professor do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) e professor colaborador na Universidade Brasil e na Universidade Estadual Paulista “Julio de Mesquita Filho” (UNESP). Tem experiência na área de Física, com ênfase em Física de Plasmas e Física da Matéria Condensada, Engenharia Aeroespacial e Engenharia Biomédica, atuando principalmente nos seguintes temas: processos de deposição de filmes finos (physical vapor deposition, chemical vapor deposition, atomic layer deposition) e corrosão de materiais por plasmas (reactive ion etching, inductively coupled plasma, catodo oco), tratamento de superfícies por plasmas (plasma microondas, microplasmas), técnicas de caracterização de materiais, técnicas de diagnóstico do plasma, simulação de plasmas frios, tecnologias assistidas a plasmas para engenharia biomédica e células solares. Tem interesse em novos tipos de reatores a plasmas, materiais e processos para microeletrônica e nanotecnologia, engenharia aeronáutica/aeroespacial, fontes de energia renovável com foco no desenvolvimento de novos materiais, dispositivos micro-eletromecânicos (MEMS) e aplicações de plasma na medicina e agricultura. Nestes temas e em temas correlatos orienta/co-orienta 2 trabalhos de mestrado e 8 de doutorado. Possui 2 patentes, 78 artigos, 16 capítulos de livro publicados e 2 livros editados, mais de 280 trabalhos publicados em anais de conferências nacionais e internacionais. Índice H = 11 (Scopus) e H = 15 (Google Scholar).

Quer ficar por dentro das novidades do EFITA? Siga-nos no Facebook e no Instagram.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *